Metas pessoais: como definir e realizar as suas

Home / Metas pessoais: como definir e realizar as suas

Metas-pessoais

No trabalho, você certamente tem objetivos específicos a cumprir, mas já parou para pensar nas suas metas pessoais?

Não estamos falando apenas de saber elencar um ou outro sonho para o futuro, mas de criar uma lista bem pensada e estratégica de propósitos que vão determinar o seu caminho e as suas ações.

Neste artigo, reunimos dicas que vão ajudar você a traçar e sistematizar metas, além de entender melhor como garantir que elas sejam alcançadas. Acompanhe!

O que são metas pessoais?

Meta é uma definição que sintetiza e molda os nossos sonhos, pois permite sair do abstrato e pensar nas ações necessárias para concretizar desde os objetivos mais simples até os mais complexos. Sem ela, não há direção e foco.

Embora o mais comum seja focar em metas profissionais, é importante ter em mente quais são as suas metas pessoais, aquelas que guiam a sua existência como indivíduo e que, de uma forma ou de outra, também podem refletir na sua carreira.

Exemplos de metas pessoais

Para entender melhor do que estamos falando, veja alguns exemplos de metas pessoais:

  • Guardar R$ 70 mil em um ano para fazer um intercâmbio
  • Reformar o apartamento em seis meses
  • Aprender um novo idioma neste ano
  • Ler 12 livros no próximo semestre

Perceba que todas elas trazem números e prazos definidos. Isso ajuda a organizar a estratégia que vai ser traçada para ter sucesso na realização da meta.

A importância de ter metas pessoais

As metas pessoais são o nosso incentivo diário para crescer. Elas nos estimulam a sair da zona de conforto e a desenvolver o próprio potencial.

Além disso, servem como guias para definirmos qual caminho seguir e de que maneira isso deve ser feito.

Ao mesmo tempo, permitem um acompanhamento constante e claro dos resultados, o que dá margem para revermos aspectos que já não fazem tanto sentido ou que deram errado.

Como definir metas pessoais em 3 passos?

Agora, da teoria à prática, que tal aprender como definir uma meta pessoal? Tudo começa a partir dos três passos descritos a seguir.

1. Conheça as suas prioridades

O primeiro passo é fazer um verdadeiro exercício de autoconhecimento e entender o que é importante para você e o que realmente você valoriza em diferentes âmbitos da vida pessoal.

Estar perto da sua família, por exemplo, é uma prioridade agora? Se esse for o caso, vai fazer pouco sentido você organizar um intercâmbio, por mais que tenha vontade de conhecer outras culturas.

2. Estabeleça áreas em que deseja investir

Com essa reflexão inicial, é hora de decidir quais são as áreas ou aspectos da sua vida que merecem atenção especial e que representam verdadeiros sonhos. Selecione ao menos três, mas não mais do que seis, para evitar que o foco acabe se perdendo.

3. Molde os seus sonhos

No passo final, é hora de pensar em detalhes e escrever quais são as suas metas. Quanto mais específicas, melhor.

Uma boa técnica pode ser recorrer a metodologias amplamente utilizadas no universo corporativo, a exemplo da Objectives and Key Results, mais conhecida apenas pela sigla OKR. O conceito é baseado na definição de grupos de objetivos e resultados-chave. Quer entender melhor?

Os objetivos são guiados pelo questionamento “aonde eu quero chegar?”. Já os resultados-chave ajudam a descobrir se você está chegando lá. Vamos a um exemplo:

  • Objetivo: ser fluente em francês
    • Resultado-chave #1: assistir a três filmes franceses por mês, sem legenda
    • Resultado-chave #2: fazer aula de francês duas vezes por semana
    • Resultado-chave #3: ler dois livros de literatura francesa no próximo trimestre
    • Resultado-chave #4: estudar a gramática da língua francesa durante cinco horas por semana

Dicas para realizar suas metas pessoais

Como vimos até aqui, quanto mais específicas forem as suas metas, mais fácil vai ser não perder o foco. Ainda assim, é possível tomar alguns cuidados adicionais para garantir os resultados esperados.

Mantenha as metas em um local visível

Quando a sua lista de metas estiver pronta, escreva uma por uma em um pedaço de papel e coloque em algum lugar visível – pode ser até mesmo no espelho. O importante é que elas sejam visualizadas com frequência e que você possa lembrar-se do caminho a ser seguido.

Seja realista

Conquistar o mundo pode até ser o seu sonho, mas também é um objetivo mais do que ousado. Quando você define metas fora da realidade, pode acabar frustrado com a dificuldade em chegar lá. Por isso, não deixe de se desafiar, mas seja realista.

Acompanhe o andamento

Metas ajudam na conquista dos nossos sonhos porque podem ser mensuradas. Então, não deixe de acompanhar os seus avanços e saiba identificar quando for preciso fazer ajustes na rota.

Mentalize os benefícios de alcançar a meta

Quando a meta parece distante demais, o primeiro impulso é desistir. No lugar de fazer isso, mentalize os motivos que levaram você a ter aquele objetivo de vida.

Economizar mensalmente e aplicar o seu dinheiro em um plano de previdência privada, por exemplo, pode parecer sem sentido agora. Mas imagine quando você estiver prestes a se aposentar e pronto para apenas colher os frutos de uma vida inteira de planejamento.

Lembre-se: é um investimento no seu futuro e também no da sua família.

Quer saber mais sobre a modalidade? Fique sempre de olho no blog da Sua Previdência Privada, que traz conteúdos descomplicados e completos para ajudar você a fazer a melhor escolha na hora de aplicar o seu dinheiro!

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.