MBA no exterior: como realizar essa meta

Home / MBA no exterior: como realizar essa meta

MBA no exterior: como realizar essa meta

19/05/2020 | Previdência | Nenhum comentário

MBA no exterior

Cursar um MBA no exterior pode representar um diferencial competitivo e tanto para a sua carreira. Na maioria das vezes, no entanto, a ideia acaba ficando de lado por ser considerada muito complicada.

Mas será mesmo que essa é a realidade? Neste artigo, reunimos dicas sobre o que é, como funciona, quanto custa e como fazer um curso como esse fora do Brasil.

Siga acompanhando!

MBA no exterior: o que é?

O Master of Business Administration, mais conhecido simplesmente pela sigla MBA, é um curso de pós-graduação que confere ao profissional o título de especialista. O seu principal diferencial é o foco em administração de negócios.

Além disso, vale um alerta: a estrutura de um MBA no exterior costuma ser um pouco diferente daquela encontrada no Brasil, como explicaremos a seguir.

Como funciona um MBA no exterior?

No Brasil, o modelo se popularizou ao longo da última década e, ainda que inspirado no sistema americano, costuma oferecer uma experiência menos completa.

No exterior, a carga de estudos é maior e as aulas envolvem mais tarefas e cases que simulam o dia a dia de uma empresa, o que permite uma experiência mais real do mercado.

Esse aspecto está diretamente relacionado à carga horária do curso. Na maioria dos países, o mais comum é uma duração de um a dois anos com aulas em tempo integral.

Outro aspecto que os alunos brasileiros podem estranhar é a seleção de candidatos. Aqui, o principal requisito é a formação em um curso de nível superior, mas não existe uma análise aprofundada do currículo.

Lá fora, os critérios para o recrutamento tendem a ser muito mais rígidos, o que permite a formação de turmas competitivas, com profissionais de alto calibre – um atrativo para a escolha.

Vantagens de fazer um MBA no exterior

Por ser tão rígido, o MBA no exterior também se torna um atrativo e tanto para quem deseja construir uma carreira repleta de oportunidades e um currículo que fala por si.

Uma das vantagens mais procuradas pelos candidatos é a possibilidade de ter uma rede de contatos qualificada, que inclui profissionais que são lideranças em suas áreas de atuação.

Um MBA no exterior é também uma oportunidade de conhecer uma cultura nova, sobretudo em termos profissionais, e de se tornar fluente em um novo idioma.

Quanto custa um MBA no exterior? Tem bolsa?

Além da seleção disputada, o preço pode assustar. Ainda que existam variações grandes de uma instituição para outra e do país escolhido, esteja preparado para valores entre 50 e 70 mil dólares por ano.

Felizmente, até instituições de ensino como a Universidade de Harvard oferecem opções diversas de bolsas de estudo. Caso deseje concorrer a uma delas, um dos principais fatores a considerar é o tempo disponível.

Quanto mais cedo você tomar a decisão, mais tempo vai ter para preparar a candidatura. No Graduate Management Admission Test (GMAT), um dos principais testes para a admissão, vai ser importante não mirar apenas na nota mínima.

Afinal, mais do que alcançar uma vaga, você busca ainda conseguir que ela venha acompanhada de uma bolsa.

4 dicas para fazer um MBA no exterior

A seguir, separamos 4 dicas para você se dar bem na seleção e conseguir uma vaga. Elas estão estruturadas de acordo com as principais etapas da aplicação para um MBA no exterior.

1. Mostre a sua performance acadêmica

Para avaliar esse aspecto, três itens principais são considerados:

  • Grade Point Average (GPA), uma escala americana para definir a sua nota global na graduação
  • GMAT, um teste baseado em domínio da língua inglesa e conceitos de matemática que simulam desafios vividos no mercado de trabalho
  • Test of English as a Foreign Language (TOEFL) ou International English Language Testing System (IELTS), que são testes de proficiência em um idioma

Para se dar bem nesses quesitos, é fundamental estudar muito e conhecer o formato das provas. No caso específico do GPA, é preciso saber quais são os critérios da universidade para a conversão da nota.

2. Foque na sua trajetória profissional

É hora de mostrar o seu currículo e preparar as cartas de recomendação e de motivação, itens de grande peso no processo seletivo.

Aqui, você deve destacar seu potencial de liderança, resultados alcançados, principais experiências, envolvimento em atividades extracurriculares e qualquer detalhe que ajude a reforçar a ideia de um profissional comprometido e disruptivo, capaz de pensar em soluções inovadoras.

3. Não se esqueça da trajetória pessoal

Muitos candidatos tendem a achar que a trajetória pessoal deve ficar em segundo plano e acabam se esquecendo de caprichar nas redações que fazem parte da aplicação. Na hora de escrever, mostre quem você é, incluindo hobbies, valores pessoais e habilidades específicas.

Demonstrar envolvimento com atividades de impacto social e interesses fora da curva padrão de estudos e trabalho pode contar muitos pontos. Não deixe de mencionar ainda suas experiências internacionais.

4. Pense sobre a sua visão de futuro

Outra etapa importante do processo é saber expressar qual é a sua visão de futuro e quem você almeja ser como líder. Inclusive, é possível que você seja questionado sobre figuras que inspiram as suas ações.

Por isso, durante a preparação, liste as suas ambições pessoais e, especialmente, profissionais em curto, médio e longo prazo. Aqui, também esteja preparado para compilar todas as ideias nas redações.

Fazer MBA no exterior é pensar no futuro

O processo pode até ser complexo e ter um investimento alto. Ainda assim, o importante é entender o MBA no exterior como uma chance de construir desde já o seu futuro profissional.

É o mesmo que pensar em uma aposentadoria mais tranquila: essa não vai ser uma opção mais tarde se você não se preparar desde agora.

A propósito, quer mais dicas sobre o assunto? Somos especialistas em conteúdos para ajudar você a fazer os melhores investimentos em previdência privada. Para saber mais sobre o assunto, que tal seguir navegando no blog?

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.